Como escolher um bom veterinário

Como escolher um bom veterinário

É mais do que importante levar o seu cãozinho para uma clínica veterinária. Além disso, também é necessário observar todos os principais pontos para saber se você fez uma boa escolha. Sendo assim, para saber como escolher um bom veterinário, é necessário que alguns critérios sejam observados, evitando confusões ou problemas para o animalzinho.

Todo dono que se preze faz exames com o animal de maneira regular, possibilitando o tratamento precoce de algum tipo de doença. Por isso, o mais importante é que você tenha com quem contar na hora que estiver precisando e, assim, saiba que está lidando com um bom profissional.

Como escolher um bom veterinário: legalização

Como escolher um bom veterinário

O primeiro ponto a ser analisado, sem dúvida alguma, é se o local para onde você está levando o seu cãozinho tem um certificado de legalização. Dessa maneira, você pode garantir, de maneira oficial, que está lidando com profissionais formados e que realmente entendem do assunto. Dessa maneira, fraudes e possíveis complicações podem ser evitadas com muito mais facilidade.

É válido lembrar para todos os tutores que o médico veterinário é o único profissional que deve ter a autorização para avaliar o seu cãozinho. Além disso, ele é o único que tem formação para tal e, por isso, pode realizar atos médicos com o seu bichinho de estimação. O ideal é que você não leve o seu cachorro para ser vacinado por um dos funcionários do petshop, mas sim pelo próprio veterinário.

É sempre bom lembrar que, às vezes, o barato sai caro. A vida do seu animalzinho não deve ser trocada por aquele “precinho camarada” ou por um vizinho que diz que entende do assunto. Sempre busque profissionais sérios e que tenham um registro para comprovar a formação.

Outros elementos também devem ser aplicados diante do procedimento. Observe se as vacinas aplicadas possuem selos e data de aplicação, vinhetas de vacinas que seja impressas pelo computador, se os medicamentos possuem prescrição e se os serviços são anunciados por meio da internet.

Localização

Muito embora este ponto pareça um pouco banal, também é válido observar em qual localização a clínica ou hospital veterinário se encontra. O ideal é que ela seja perto da sua casa, para facilitar a locomoção e, também, reivindicar algum direito que tenha sido deixado de lado.

O estresse de viajar por um longo tempo com o cãozinho pode não ser nada benéfico para ele e, consequentemente, poderá causar alguns efeitos indesejados. Pense sempre na comodidade do seu companheiro e como ele irá se sentir se passar muito tempo preso na casinha.

No entanto, se as clínicas localizadas perto da sua casa têm um caráter duvidoso, o ideal é que dirija alguns quilômetros a mais para um atendimento de qualidade. Dessa maneira, você preserva a saúde do seu amigo e, além de tudo, garante um atendimento de real qualidade.

Se você tiver sorte, muitas clínicas poderão buscar o seu cãozinho em casa ou, se preferir, podem fazer o atendimento em sua própria casa. Então, se o seu bichinho tiver algum problema de locomoção, é válido solicitar este tipo de atendimento, já que está incluso.

Instalações

Como escolher um bom veterinário

Se você tem filhos, é bem provável que acabe indo ao colégio antes de matriculá-los naquele ambiente em específico. Da mesma maneira, você precisa visitar as instalações do petshop para ver se realmente vale a pena deixar o seu bichinho sob os cuidados daquele ambiente. Por isso, para saber como escolher um bom veterinário, também é preciso pensar no espaço de atendimento.

É interessante que você possa solicitar, diretamente na clínica, um pequeno tour para conhecer todos os locais. Isso será de extrema importância para que você e o animal tenham maior familiaridade com o que vai acontecer ali dentro. Além disso, você garante mais proteção ao cãozinho.

O ideal é que avalie todas as condições que a clínica possui, se os aparelhos são novos, se o ambiente está limpo como deveria e se os outros cachorros ali presentes parecem ser bem tratados. Só assim será possível presumir se há, de fato, um bom atendimento na região.

Pergunte, também, quais são os serviços de emergência que a clínica possui, em quais especialidades os veterinários são graduados e se há a possibilidade de tirar um raio X quando for necessário. Assim, você permite que o seu companheiro seja bem cuidado nas mãos de outras pessoas.

Como escolher um bom veterinário: personalidade

Assim como em todos os lugares, é ideal que você “vá com a cara” de alguém. Dessa maneira, você consegue confiar na própria intuição e ter uma maior noção de como o seu animal será cuidado. Profissionais simpáticos e atenciosos devem, automaticamente, ganhar pontos com você, principalmente se eles valorizam o próprio trabalho.

O ideal é que o dono acabe por gostar da maneira como o seu cachorrinho se comportou no ambiente, além do modo como o veterinário conversou com você. Perceba, nos pequenos detalhes, se ele realmente entende do assunto ou se está se mostrando um pouco perdido.

Mais do que esperar por um veterinário que tenha todos os conhecimento é encontrar um veterinário humilde. Por mais anos de experiência que eles tenham construído, as suas limitações também haverão de existir. Sendo assim, um bom médico veterinário não é aquele que rapidamente diagnostica o problema, mas o que reconhece as limitações e indica um colega especializado.

Especialidade

Como escolher um bom veterinário

Por falar em especialidade, este é um tópico bem importante para saber como escolher um bom veterinário. A medicina veterinária tem avançado bastante nos últimos anos e, por isso, pensar em especializações é uma necessidade. Qual é a do seu animal? Do que ele precisa?

Atualmente, é possível encontrar clínicas que tratem de problemas em específico, assim como em nós, humanos. Médicos veterinários que cuidam do coração, do cérebro, dos olhos e assim por diante. Então, não exite em levar o seu cãozinho ao que mais entende daquele assunto em específico.

Antes de levar o seu companheiro para a clínica, dê uma olhadinha no site do petshop para ver quais são as especialidades disponibilizadas. Assim, você economiza tempo e ainda tem a possibilidade de resolver rapidamente o problema.

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *